O Feitiço Da Vila

História do Zé Carioca, publicada em 1984.

O título da história é inspirado numa canção de Noel Rosa, composta em 1934 para homenagear seu bairro, Vila Isabel, e as três bruxas (na verdade Maga Patalójika, Min e Bruxa Vanda) são inspiradas nas três bruxas de Macbeth, peça teatral de William Shakespeare, considerada “amaldiçoada”, e cujo nome não deve ser dito em voz alta.

Na peça, as três bruxas abrem a trama com uma profecia: “Salve, Macbeth! Salve, Barão de Glamis! Salve, Macbeth! Salve Barão de Cawdor! Salve, Macbeth! Ainda serás rei!”

Nesta história não é diferente: “Salve, Zé Carioca, o ser mais feliz da terra. Que nunca precisou trabalhar pra viver. E que um dia será milionário!”

Elas invertem as personalidades de todos os amigos do Zé para se divertirem, o enchem de dinheiro e presentes, e ele estava até gostando da ideia, até o momento em que percebeu que a personalidade da Rosinha também havia sido invertida.

É aí que as bruxas acabam descobrindo que o nosso herói dá mais valor ao amor da Rosinha do que a todo o dinheiro do mundo.

No final, a história vale também como reflexão filosófica: o que é mais importante neste mundo? O dinheiro ou o amor?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.