Uma Aventura No Caribe

Primeira parte de uma aventura épica estrelada pela Família Pato, publicada em 1983.

Tio Patinhas usa um super computador, coisa que nos anos 1980 estava apenas começando a sair do âmbito da ficção científica e virar realidade, para localizar super minérios em vários lugares do mundo.

A história em si é mais uma variação sobre o tema da “caçada” por riquezas ao redor do mundo, na qual os heróis lutam contra forças exteriores, sendo desafiados a cada página.

Neste caso, papai associa mais uma vez o Caribe ao triângulo das bermudas, pelo qual ele era fascinado, e novamente o triângulo com seres alienígenas.

Muito antes de Giorgio A. Tsoukalos e suas teorias de antigos astronautas, papai já tentava explicar os misteriosos desaparecimentos de navios e aeronaves nessa área do planeta com a ajuda de teorias ufológicas.

Interessante é o uso pelos alienígenas de andróides e robôs para extrair o minério precioso, e o uso de telepatia para a comunicação com os patos. Essa era outra teoria de papai, a de que os seres de outros planetas se comunicavam com os humanos por meio da projeção e leitura de pensamentos.

Teorias ufológicas à parte, o roteiro não deixa nada a desejar no quesito aventura, pois é cheio de ação, intriga, correrias, capturas, fugas e recapturas, batalhas aéreas entre discos voadores e aviões, e de cenas espetaculares como esta:

alienigenas

Terminado o primeiro encontro com esses seres misteriosos, outros dois são prometidos,  e o próximo acontecerá na Patagônia, extremo sul da Argentina.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s