Os Inomináveis

História de 1979, que nos proporciona uma rara visita ao interior da mansão do Tio Patinhas em Patópolis.

Os bandidos da vez são Bigode e Comprido. O baixinho até que é esperto, mas o segundo é tão burro quanto é grande. Eles se apresentam na redação da Patada como “detetives secretos”, e com isso acabam conseguindo acesso à mansão do milionário, sob pretexto de ajudar a desvendar o sumiço de um relógio.

A trama se baseia principalmente em uma série quase interminável de mal entendidos: o Peninha acredita nos bandidos, e acaba levando os dois à mansão do Patinhas. Donald e o tio acham que os dois são conhecidos do Peninha, e permitem a entrada deles.

E até mesmo o suposto roubo é um grande mal entendido. O clichê dos quadrinhos que dita que “o culpado é o mordomo” também se aplica, mas não do jeito que se poderia pensar.

Interessante é a plaquinha ao lado do portão da Mansão Patinhas. Proibir a entrada de ladrões é fácil, difícil é convencê-los a acatar a ordem.

mansao Patinhas

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s