Papéis Trocados

História do Lobão e os Três Porquinhos, publicada pela primeira vez em 1974.

Em mais um plano para tentar pegar os Porquinhos e ganhar algum respeito dos outros membros do Clube dos Malvados, o Lobão resolve “trocar de filhotes” com um amigo. A intenção é usar o “lobinho do mal” para se aproximar dos amiguinhos do seu próprio filhote e pegá-los de surpresa.

Lobao malvados

Ele convence o Lobinho a ir passar uns dias na casa do amigo, e logo depois recebe o (que ele pensa ser) o outro, um tal de Lupercinho (se o filhote do Lobão é o Lobinho, parece lógico que o nome do filhote do amigo chamado Lupércio seja Lupercinho. Note-se, aliás, que o nome “Lupércio” é uma derivação da palavra “Lobo” – Lupus – em Latim).

Lobao Lupercinho

O plano parece estar indo bem, e com a ajuda do pequeno, o Lobão consegue finalmente invadir a casa dos Porquinhos e ensacar dois deles. É aí que, numa reviravolta de 180°da trama, o que até agora parecia ser o Lupercinho se revela como o Lobinho disfarçado.

Lobao Lobinho

A explicação é que ele se encontrou na estrada com o seu pretenso sósia, que vinha na direção contrária, e descobriu o plano, voltando então para ajudar os seus amigos contra o seu pai.

Lobao Lobinho lupercinho

A ideia é boa, mas eu acho que o desfecho da trama poderia ter sido explicado um pouco melhor. De qualquer maneira, é a realização de todos os sonhos do Lobão. Ele finalmente consegue capturar os Porquinhos, mesmo que só por algum tempo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s