Um Professor Do Peru

História do Lobinho, criada em 1974 e publicada pela primeira vez em 1978.

O Filhote do Lobão está participando de um “curso de férias”, e ao ver que o professor é um peru, e que os outros alunos além de seu filho são três peruzinhos e dois dos três porquinhos, o vilão resolve tentar transformar a classe em um belo guisado de peru com porco.

Ele até se disfarça para evitar chamar a atenção, mas o Lobinho conhece o pai que tem. Além disso, o Lobão se esqueceu de perguntar que curso é esse, e essa será a falha em seu plano maligno e a sua ruína.

lobao peru

No título da história papai faz um jogo de palavras que flerta com o perigo, já que a expressão “do peru” em Português tem conotações nada inocentes, além de ser também um tipo de elogio, mais ou menos na mesma linha pouco inocente.

Décadas mais tarde o desenho animado Os Simpsons usaria um expediente parecido, onde um cachorro é chamado de “son of a bitch” sem que a cena pudesse sofrer censura (o famoso Bip no áudio), porque não há como negar que um cão é mesmo, sem sombra de dúvida, o filho de uma cadela. Chamar a uma pessoa disso é uma ofensa, mas chamar a um cão da mesma coisa não é.

Ao retratar o personagem do professor como o pássaro peru, papai “esvazia” a expressão para o leitor mais ingênuo, ao mesmo tempo confiando na inteligência do leitor mais malicioso. Cada um entenderá o título da história como quiser. Ou, como se diz por aí, a malícia está nos olhos de quem a vê. Desse modo, papai ia inserindo em suas histórias pequenas “transgressões” ao estilo Disney, que ele achava um pouco “puritano” demais às vezes.

Digna de nota é também a cidade de origem do professor, Perusópolis. Um possível mapa das cidades vizinhas a Patópolis mostraria nomes como Gansópolis, Cisnópolis, Patetópolis, e agora também Perusópolis. Patópolis já está parecendo menos com uma “cidade estado”, e mais como a principal cidade de uma região metropolitana, mais ou menos como era (ainda é) a cidade de Campinas, onde morávamos e onde papai criava.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s