O Honesto Rei Do Crime

História do Sr. X, o Rei do Crime, de 1976.

Nunca houve, nem haverá, pretenso bandido tão frustrado quanto o Sr. X. Ele não dá uma dentro, e além de não conseguir cometer nenhum crime, e nem mesmo ser preso por tentativa de alguma coisa, em seus encontros com a polícia ele ainda por cima chega a ser elogiado por sua “honestidade”.

Há quem tente fazer o bem, mas acaba fazendo o mal, sem querer. Já o “Rei do Crime” é um exemplo do exato contrário: tentando fazer o mal, ele faz o bem.

Esta é uma mistura de mistério policial com comédia de erros, a começar do primeiro quadrinho. O leitor atento (sim, sempre ele) já vai notar logo de cara a confusão que o Pateta faz, na tentativa de bancar o ajudante do Mickey. Em todo caso, ninguém é tão boboca que não haja alguém mais bobo ainda, e a turma de comparsas do Sr. X é um exemplo disso.

Os elementos são mais ou menos os mesmos da maioria das histórias desse tipo, desde os clássicos romances policiais de outrora, em uma mistura com histórias de marujos e confusões mil. Para começar, temos o clichê da placa: certos números, e especialmente o 6 e o 9, podem ser facilmente trocados com um pouco de falta de atenção.

Aqui temos também o colar de diamantes, desta vez com o nome inventado de “Zanzirul”, um cerco da polícia, e um receptador de jóias que é muito parecido com o Pateta, o que só adiciona ao caos. Até o Mickey vai fazer uma pequena trapalhada ou duas. Não há como ficar imune ao caos reinante no cais do porto.

Sr X Honesto

****************

Já leste o meu livro? Quem ainda não leu está convidado a conhecer minha biografia de papai, à sua espera nas melhores livrarias.

Marsupial: http://www.lojamarsupial.com.br/ivan-saidenberg-o-homem-que-rabiscava

Comix: http://www.comix.com.br/product_info.php?products_id=23238

Cultura: http://www.livrariacultura.com.br/p/ivan-saidenberg-o-homem-que-rabiscava-15071096

Monkix: http://www.monkix.com.br/serie-recordatorio/ivan-saidenberg-o-homem-que-rabiscava-serie-recordatorio.html

Anúncios