É Duro Ser Dedo-Duro

História dos Irmãos Metralha, de 1977.

O Metralha Dedo Duro é um chato de galochas, mas nem sei se é possível chamá-lo de “ovelha negra” de uma família que já é composta por tantos bandidos. Ele não é honesto, como a Tia Ana, mas assim mesmo se arvora a “dedo duro” da polícia, sempre consultando o Código Penal e pronto a entregar seus primos por qualquer motivo.

Este é mais um dos “adotados”, de papai. Foi criado no exterior em 1975 e usado lá em exatas duas histórias. Aqui no Brasil foi usado em mais duas, ambas escritas por meu pai. (Sim, apesar de ainda não estar creditada no Inducks, a história chamada “Que 10-Leal” também é dele, e será comentada aqui algum dia).

Metralha dedo duro

Nesta história ele “chega chegando”, e vai logo começando a querer dedurar. Na verdade, isso é somente um método para chantagear os primos e conseguir algumas vantagens, como um bom tratamento, por exemplo. Mas é claro que nenhum plano maléfico pode ter muito sucesso em uma história Disney, nem mesmo quando todos os personagens são vilões.

A presença do jogo de bolas de gude é mais um resgate de antigos jogos e brincadeiras brasileiros que papai gostava de fazer, como o jogo de palitinho nas histórias do Zé Carioca, as gincanas das crianças, e por aí vai.

****************

Já leste o meu livro? Quem ainda não leu está convidado a conhecer minha biografia de papai, à sua espera nas melhores livrarias: Marsupial – Comix – Cultura – Monkix 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s