Olimpíadas No Olimpo

História do Peninha, de 1984, escrita e publicada por ocasião das Olimpíadas de Los Angeles, que aconteceram naquele mesmo ano.

Se, em 1972, o “Pateta Olímpico” representava as Olimpíadas da Era Moderna, a história que comento hoje nos leva de volta aos tempos da Grécia antiga.

O fato é que Zeus está entediado, lá no alto do Monte Olimpo, e Hermes, o mensageiro dos deuses, é enviado à terra abaixo para ordenar aos mortais que divirtam o deus supremo. Os escolhidos, mais por obra do acaso do que desígnio, e aliás bem em linha com as vertentes mais fatalistas do modo de pensar da Era Clássica, são o Peninha, em sua identidade como “Penóibos”, e seu sobrinho Biquinho, aqui chamado de “Bikinhos”. Os finais em “OS” são comuns em nomes e sobrenomes gregos até hoje, e muito usados também para fazer graça com eles.

Peninha Olimpo

O interessante é que existe mesmo, desde tempos antigos, uma cidade na base do monte, chamada Litókhoro. Era ali perto, aliás, que Alexandre O Grande e seu pai, o rei Felipe da Macedônia, faziam suas oferendas aos deuses.

Papai faz, aqui, um esforço usar apenas os nomes gregos dos deuses, mas que é muito fácil e muito comum que as pessoas façam confusão entre os nomes gregos e romanos dessas divindades. Alguns, como Hermes e Zeus, são mais conhecidos. Mas outros, como Hefestos e Apolo, podem ser mais facilmente identificáveis por seus nomes romanos. Era comum papai confundir um pouco, e usar o nome romano do deus do Sol em lugar do grego.

Peninha Olimpo1

Hoje vemos, também, uma espécie de “origem” da Companhia Teatral Peninha. Assim como há Metralhas em todas as épocas e civilizações, ao que parece há também diferentes “encarnações” da CTP.

Peninha Olimpo2

No final das contas, apesar de todas as confusões e bagunças da trama, que servem para divertir o leitor até mais do que aos deuses, esta é mais uma daquelas aulas informais de história que ele gostava de dar, com informações históricas corretas até o último detalhe, incluindo as datas. Nossa história começa no ano 780 antes de Cristo, e termina quatro anos depois, em 776 AC. Se isso causar estranheza a alguém, é preciso lembrar que os anos antes de Cristo contam-se de trás para frente, como uma espécie de “contagem regressiva”.

****************

Já leste o meu livro? Quem ainda não leu está convidado a conhecer minha biografia de papai, à sua espera nas melhores livrarias: Marsupial – Comix – Cultura – Monkix 

A História dos Quadrinhos no Brasil, e-book de autoria de papai, pode ser encontrado na Amazon

***************

Tenho o prazer de anunciar um novo livro, que não é sobre quadrinhos, mas sim uma breve história do Rock and Roll. Chama-se “A História do Mundo Segundo o Rock and Roll”, e está à venda nos sites do Clube de Autores agBook

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s