O Comprador De Bondes

História do Zé Carioca, de 1976.

Diferentemente do “Comprador de Fazendas”, que é um golpista, o “Comprador de Bondes” é a vítima de um golpe. O tema de hoje vem do folclore do Rio de Janeiro e da fama que alguns moradores da cidade tinham, desde os anos 1940, de serem vigaristas. Ao que parece, houve um tempo em que era comum ver na cidade pilantras de todos os tipos aplicando golpes em turistas e demais forasteiros, especialmente aqueles mais ingênuos, vindos do interior ou de outro estado.

O chamado “conto do vigário” de modo geral consiste em fazer algum incauto achar que vai ganhar muito dinheiro com algum negócio absurdo proposto, no meio da rua mesmo, por um desconhecido. Um dos mais antigos e comuns, praticados até hoje com surpreendente eficácia, é o “golpe do bilhete premiado”. Outros golpes modernos, principalmente no Rio de Janeiro, envolvem locais turísticos como o morro do Corcovado ou os altos preços praticados na cidade. O potencial turista, especialmente nas Olimpíadas que se aproximam, deve pesquisar bastante e ficar atento.

Nesses casos, onde a ganância da própria vítima é explorada de maneira bastante hábil, há pouco o que se possa fazer para reverter a situação, afinal, a rigor não houve crime. A vítima entregou seu dinheiro de boa vontade em troca de algo que na verdade não vale nada. Ir à polícia, ou acionar advogados em tentativas desesperadas de reaver o dinheiro perdido de pouco adianta.

No caso do Zé Queijinho, é um lote de antigos bondes que “vão para sucata”, como se esse fosse o nome de um local na cidade. E provavelmente, essa coincidência linguística foi o estopim da ideia toda.

ZC bondes

Feito o estrago, a única maneira de reaver o dinheiro é ser mais esperto do que o golpista, e aplicar, nele também, um (contra) golpe de igual teor. Mas é claro que a história não fica só nisso, e o hilário final nos devolverá ao começo, como era costume de papai fazer.

****************

Já leste o meu livro? Quem ainda não leu está convidado a conhecer minha biografia de papai, à sua espera nas melhores livrarias: Marsupial – Comix – Cultura – Monkix 

A História dos Quadrinhos no Brasil, e-book de autoria de papai, pode ser encontrado na Amazon

***************

Tenho o prazer de anunciar um novo livro, que não é sobre quadrinhos, mas sim uma breve história do Rock and Roll. Chama-se “A História do Mundo Segundo o Rock and Roll”, e está à venda nos sites do Clube de Autores agBook

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s