O Roubo Do Carro Elástico

História do Sr. X de 1975.

Realmente, não é por falta de tentar. O plano da vez é muito bom, os disfarces são muito criativos (mil vezes melhores do que os dos Metralhas, por exemplo), mas ainda não será hoje que os “candidatos a bandidos” terão sucesso em suas maléficas pretensões.

Como eu disse, o plano é perfeito, exceto por um detalhe (ou dois, na verdade): os vilões investiram tanto tempo e esforço para bolar os disfarces perfeitos que se esqueceram de decidir justamente o que seria roubado. Aqui começa o problema dos bandidos, e a diversão do leitor.

srx-carro

É aí que entra o novo carro inventado pelo Professor Pardal que, como mencionado no título, é um curioso “carro elástico”. Sabe-se que já se fabricaram carrocerias de carros e demais veículos automotores com todos os tipos de materiais, desde o aço inoxidável, como o famoso DeLorean, até materiais menos nobres e mais amigáveis ao meio ambiente como plásticos, fibra de vidro, madeira, fibras de bambu e até mesmo de cânhamo.

Mas apesar de a borracha ser um componente que está presente em muitas das peças de um carro comum, dos pneus à vedação das portas, nos anos 1970 ninguém ainda havia pensado em usá-la para moldar a carroceria em si.

srx-carro1

Acredito que a ideia para esta história veio dos vídeos de testes de colisão que as montadoras passaram a divulgar mais ou menos naquela mesma época na TV, como propaganda da qualidade de seus produtos e vídeos educativos para a segurança no trânsito. (Crianças, usem sempre o cinto de segurança). Além disso, há também a associação com carrinhos de brinquedo, frequentemente feitos de plástico, borracha, ou mesmo pano.

****************

Já leste o meu livro? Quem ainda não leu está convidado a conhecer minha biografia de papai, à sua espera nas melhores livrarias: Marsupial – Comix – Cultura – Monkix 

A História dos Quadrinhos no Brasil, e-book de autoria de papai, pode ser encontrado na Amazon

***************

Tenho o prazer de anunciar um novo livro, que não é sobre quadrinhos, mas sim uma breve história do Rock and Roll recontada a partir da perspectiva e da experiência dos fãs. Chama-se “A História do Mundo Segundo o Rock and Roll”, e está à venda nos sites do Clube de Autores agBook

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s