Moda, Modismos e Modelos – História inédita

Nunca publicada, esta história foi escrita por papai em Israel em 12 de abril de 1993 e tem seis páginas.

Na época, a Editora Abril estava trabalhando com histórias nacionais e revistas próprias para três personagens, a saber: o Urtigão, a Margarida e o Zé Carioca. Pelo menos, foi isso o que encomendaram. Aqui temos o rafe original, a lápis sobre papel gentilmente cedido pelos colegas do Instituto de Seguridade Social de Rehovot. O nome que ele usou é a transliteração do nome dele como ficou na grafia hebraica, em seus documentos israelenses.

Esta história trata de como se faz para “lançar moda”. Uma pessoa um pouco “criativa demais” na maneira de se vestir pode até passar por ridícula, mas a roupa esdrúxula de uns pode se transformar na próxima moda de outros em um piscar de olhos. E a ideia nem é tão inusitada assim. Na China em 2014 uma senhorinha foi fotografada usando uma roupa parecida com a de seu cachorrinho, e há até, aqui mesmo no “lado brasileiro” da internet, pet shops que vendem roupinhas e acessórios coordenados para dona e bichinho de estimação.

Já pensou se a moda pega? Interessante é a menção à “TV Patinhas”, um desenvolvimento bastante lógico dos empreendimentos jornalísticos do velho pato, depois de tantos anos.

MMM01

MMM02

MMM03

MMM04

MMM05

MMM06

 

****************

Já leste o meu livro? Quem ainda não leu está convidado a conhecer minha biografia de papai, à sua espera nas melhores livrarias: Marsupial – Comix – Cultura – Monkix 

***************

Tenho o prazer de anunciar um novo livro, que não é sobre quadrinhos, mas sim uma breve história do Rock and Roll. Chama-se “A História do Mundo Segundo o Rock and Roll”, e está à venda nos sites do Clube de Autores agBook

Anúncios

A Coqueluche-Morcego

História do Morcego Vermelho, de 1976.

A coqueluche é uma doença do aparelho respiratório que tem a característica de ser altamente contagiosa. Por esse motivo, em outros tempos a palavra virou sinônimo de outros tipos de “epidemias”, ou “febres”, como os modismos que se espalham por certas comunidades de pessoas de tempos em tempos.

O mais interessante é que a “Coqueluche Morcego” existiu mesmo no Brasil nos anos que se seguiram ao lançamento do personagem, em 1973. Ele realmente virou um “herói nacional”, por assim dizer, com direito ao lançamento de brinquedos, bonecos, e até mesmo picolés, tamanho foi o sucesso que fez.

MOV Coqueluche

Era a vida imitando a arte, e já que, como diria Aristóteles, “a arte imita a vida”, papai resolveu fechar o círculo e “documentar”, do jeito dele, é claro, o “modismo Morcego” nesta história. Só que aqui tudo não passa de um plano dos Irmãos Metralha que, por meio de algum tipo de engenharia social, conseguem criar essa moda toda para confundir a polícia e escapar mais facilmente após cometer seus crimes, no meio da multidão de fãs fantasiados de Morcego Vermelho.

MOV Coqueluche1

O problema é que, sendo os vilões pé de chinelo de inteligência limitada que são, os bandidos acabam também eles se confundindo com a “morcegaiada” toda, e baixando a guarda. É o famoso caso do feitiço que vira contra o feiticeiro. Bem feito para eles.

****************

Já leste o meu livro? Quem ainda não leu está convidado a conhecer minha biografia de papai, à sua espera nas melhores livrarias.

Marsupial: http://www.lojamarsupial.com.br/ivan-saidenberg-o-homem-que-rabiscava

Comix: http://www.comix.com.br/product_info.php?products_id=23238

Cultura: http://www.livrariacultura.com.br/p/ivan-saidenberg-o-homem-que-rabiscava-15071096

Monkix: http://www.monkix.com.br/serie-recordatorio/ivan-saidenberg-o-homem-que-rabiscava-serie-recordatorio.html

 

A Moda Turbilhão

História do Donald e da Margarida, escrita em 1976 e publicada pela primeira vez em 1978.

A coisa toda gira em torno de uma enorme peruca ruiva que a Margarida comprou como sendo o “último grito da moda”, e do desconforto do Donald (e dos homens em geral, já que o pato representa o “homem comum”) ao ter de lidar com a sensibilidade e os modismos femininos.

O penteado alto em formato de espiral também não ajuda, e agora mais do que atrair olhares por onde vá, a Margarida está também dando sustos por onde passa, com efeito hilário. E de susto em susto, a peruca também acaba sendo útil, mas não exatamente do jeito que a Margarida poderia ter esperado.

moda turbilhao

Fica então a pergunta, para reflexão: o que é moda? Quem dita a moda, quem diz o que é ou não uma roupa ou um acessório popular, ou chique, um símbolo de refinamento social e cultural que todos(as) vão querer usar?

moda turbilhao1

*****

E já temos a data de lançamento do meu livro, juntamente com os outros dois da Série Recordatório: dia 31 de janeiro, a partir das 13:00, no Memorial da América Latina como parte dos eventos que acompanham a cerimônia do Prêmio Ângelo Agostini. Vejo vocês lá!

http://www.lojamarsupial.com.br/ivan-saidenberg-o-homem-que-rabiscava